A cafonice do incentivo ao consumismo em pleno apocalipse.

Muitas vezes eu sinto vontade de desabafar e preciso vir aqui escrever. Já faz tempo que observo a proliferação de vídeos nas redes sociais incentivando o consumo desenfreado de trends momentâneas.

Essa semana eu resolvi expor essa observação, e compartilhar a minha indignação com essa falta de responsabilidade, em sua maioria vinda de jovens classe média que ganham visibilidade, likes e seguidores com seus vídeos de recebidos das fast fashions.

Não é possível que em pleno 2021 com a pauta da crise climática em praticamente todos os veículos de comunicação, essas pessoas continuem fingindo que não é com elas, e além disso, indo na contra mão de tudo que é mostrado e comprovado sobre os impactos ambientais e sociais do consumo desenfreado de roupas de fast fashion, que são feitas com mão-de-obra escrava e materiais danosos ao meio ambiente.

Gana se transformou num grande lixão de roupas descartadas por consumidores da Europa, China e Estados Unidos, que compram compulsivamente para equilibrar suas frustrações e alimentar seu ego, sem pensar nos impactos negativos que essa ação inconsciente pode causar a curto e médio prazo ao meio ambiente, e, sobretudo aos países que recebem essa quantidade exorbitante e assustadora de roupas descartadas, prejudicando diretamente a economia local de um país que já enfrenta inúmeras dificuldades.

A maior parte dessas roupas são itens de fast fashion, que são produzidas com tanto descaso, que sequer podem ser reaproveitadas, 40 % desse montante vão parar em algum lixão e posteriormente, são levadas para o mar, prejudicando diretamente o ecossistema, com materiais sintéticos desde a matéria-prima aos tingimentos, estamparia e componentes com metais.

Enquanto isso, observo consumidores encontrando inúmeras formas para justificar o seu consumo irresponsável, sempre priorizando a necessidade de comprar algo. Eu acredito que a discussão já deveria ter ultrapassado a barreira do comprar. Após uma pandemia onde a maioria das pessoas ficaram trancadas em casa sem pode sair por mais de 6 meses, deveríamos estar agora se perguntando “Por que eu preciso comprar isso?”.

O que vai mudar esse cenário, é o incentivo a educação, a leitura, ao desenvolvimento humano. E não, a roupinha da trend que a blogueirinha montou um lookinho, com a musiquinha da moda, para você assistir, curtir e ir comprar para fazer igual.

Matéria completa da BBC com o vídeo. https://www.bbc.com/portuguese/media-58911546

By Mirella Rodrigues

--

--

--

Designer de moda especializada em Upcycle, Ecofeminista e Ativista. Pós-Graduanda em Ciências humanas. Radical, Questionadora, Utópica e Rebelde.

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Mirella R Rodrigues

Mirella R Rodrigues

Designer de moda especializada em Upcycle, Ecofeminista e Ativista. Pós-Graduanda em Ciências humanas. Radical, Questionadora, Utópica e Rebelde.

More from Medium

Making a Murderer Season 1: Recap of Steven Avery!

Making a Murderer Season 1: Recap of Steven Avery!

RESECO: End of Year Update 2021

I prototyped my first hearing aids!